Segura AÍ - Campanha Nacional de Conscientização sobre Incontinência Urinária

Segura AÍ - Campanha Nacional de Conscientização sobre Incontinência Urinária
1892 cliques 216 curtidas

A incontinência urinária é a perda involuntária de urina. Esta condição gera profundo incômodo por parte do(a) paciente, porque há uma perda da auto-estima e o convívio social se torna um transtorno. Na mulher a incontinência urinária pode ocorrer durante esforços maiores como tossir ou espirrar, caminhar ou mesmo em repouso. A chamada incontinência urinária de esforço, decorrente de um enfraquecimento dos ligamentos e músculos do períneo, ou ainda por partos vaginais mal assitidos e cirurgias vaginais. Outra causa e a contração involuntária do músculo da bexiga resultante de doenças neurológicas ou sem causa definida. A chamada bexiga hiperativa. No homem geralmente ocorre por problemas prostáticos ou após cirurgias da próstata.Além da perda de urina durante o esforço que exige troca de fraldas ou absorventes, pode se apresentar como urgência para urinar, nocturia (levantar mais de 2 vezes a noite), ir ao banheiro mais de 7 vezes durante o dia e quando há ardência é necessário descartar infecção. E Após a consulta e o exame físico para verificar se a paciente perde urina quando tosse são solicitados:O Exame de urina: para descartar infecções Avaliação urodinámica: Este é o principal exame para ter o diagnóstico de Incontinência Urinária de Esforço ou Bexiga hiperativa. É muito importante para se tomar a conduta que pode ser clínica (remédio) ou cirúrgica. No caso da mulher com Incontinência Urinária de Esforço o melhor tratamento é a cirurgia que consiste em colocar uma faixa de material sintético (sling) abaixo da uretra, para restaurar o ligamento enfraquecido (hammock). A cirurgia permite retorno as atividades laborais rapidamente.